Adega Cooperativa de Vidigueira, Cuba e Alvito

Adega Cooperativa de Vidigueira, Cuba e Alvito

Sobre

A Adega Cooperativa de Vidigueira, Cuba e Alvito foi fundada em 1960, mas a sua cronologia vai muito para além dos seus quase 60 anos. As suas raízes entrelaçam-se com a história da vila e com Vasco da Gama – o Conde de Vidigueira, desde 1519. Assente no esforço e sonho de grande parte dos viticultores das regiões de Vidigueira, Cuba e Alvito, esta Adega, uma das mais antigas de Portugal, é hoje uma moderna e visionária empresa. No património vitícola da Adega descobrem-se castas autóctones, aperfeiçoadas de geração em geração, entre as quais sobressai a casta Antão Vaz. Esta casta legitimada como a casta da Vidigueira e musa inspiradora da Adega, dá origem um vinho branco excecional cuja notoriedade lhe vale o título de «O Branco do Alentejo». Tem uma produção aproximada de 8 milhões de garrafas de vinho por ano e foi considerada em 2015 a Adega do ano pela renomada Revista de Vinhos. Em homenagem a Vasco da Gama, os seus vinhos contam uma história dividida em sete Atos.